Uma década de eventos climáticos extremos (parte 4 – final)

     A década de 2001-2010 registrou em muitos países ondas de calor. Algumas das mais dramáticas ondas de calor ocorreram na Índia, em 2002 e 2003, que tiveram como consequências, em cada uma delas, a morte de mais de 1000 pessoas. A onda de calor do verão de 2003 sobre grande parte da Europa causou mais de 66.000 mortes, e a onda de calor extremamente intensa e de longa duração que atingiu a Rússia em julho/agosto de 2010 causou mais de 55.000 mortes.

Fonte:WMO
Fonte:WMO

     O Relatório da OMM (2013) identifica muitas outras condições anormais de alta temperatura, ondas de calor e de registros de temperatura alta em todo o mundo.

     No Brasil, ondas de calor foram registradas de janeiro a março de 2006 e uma das mais altas temperaturas (44,6 °C) foi registrada em Bom Jesus, no Piauí, no dia 31 de janeiro de 2006.

     Compreender o clima e as tendências da temperatura da Terra, das precipitações e dos eventos extremos é de importância vital para o bem-estar humano e para o desenvolvimento sustentável. Como o relatório do Clima Global 2001-2010 confirma, cientistas podem agora relacionar algumas oscilações naturais com as tendências climáticas sazonais. Podem ainda compreender os mecanismos pelos quais as emissões de gases de efeito estufa da humanidade estão elevando as temperaturas médias globais.

Fonte: The Global Climate 2001-2010

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: