Dia Nacional da Caatinga

     28 de abril é o Dia Nacional da Caatinga. Esse bioma único e singular tem significativa importância para as populações que vivem na região semiárida do Brasil. É preciso proteger a Caatinga e, ao mesmo tempo, permitir o desenvolvimento das atividades humanas.

     Em 18 de maio de 2012, nove Estados assinaram a Declaração da Caatinga, resultado de um amplo debate com a sociedade no intuito de se estabelecerem estratégias e metas para promoção do desenvolvimento sustentável.

     Conforme o documento, a Caatinga “é o bioma brasileiro mais vulnerável às mudanças climáticas e tende a ser o mais atingido pelos efeitos negativos do aquecimento global, que pode agravar o quadro da desertificação e reduzir as áreas aptas para a agropecuária e a capacidade de geração de serviços ambientais, com impactos severos também na disponibilidade de recursos hídricos na região”.

     Assim, faz-se necessário estabelecer estratégias que permitam a exploração sustentável dos recursos naturais, promover sua proteção em condições de manutenção de estoques de bens e serviços ambientais para a qualidade de vida das populações residentes no território da Caatinga, considerando, também, a viabilidade ambiental para as futuras gerações.

     Que o dia de hoje seja um momento de reflexão para sociedade e para o poder público, no sentido de enfrentarmos os desafios que nos são impostos, a exemplo do combate à miséria e à fome, necessidade de universalização do saneamento, dentre tantos outros, cuja implementação de políticas tenha efetivamente a garantia de sustentabilidade do bioma Caatinga.

     Aos interessados em ler na íntegra a Declaração da Caatinga que traz os compromissos e estratégias, com horizonte temporal de alcance até 2020, cliquem aqui. 

%d blogueiros gostam disto: