A sustentabilidade é possível? (parte 2)

    Na publicação “Estado do mundo 2013: A Sustentabilidade Ainda é Possível?” é feito um questionamento importante para sociedades que queiram seguir em direção ao desenvolvimento sustentável, que seria: qual a maior fonte de pressão sobre os limites planetários? Aqueles nove limites definidos pelo Grupo de Rockström?

     Kate Raworth acredita que seriam os níveis excessivos de consumo dos 10% mais ricos da população do mundo, pois controlam 57% da renda mundial. Assim, o estilo de vida dos mais ricos do mundo seria um dos alvos para reduzir a intensidade do uso dos recursos ambientais.

      Padrões de produção que sejam muito mais eficientes no uso dos recursos, incluindo as tecnologias que economizem recursos, investimentos e infraestrutura, são essenciais para tornar possível a redução do estilo de vida dos mais ricos do mundo, afirma Kate Raworth. E com isso trabalhar o desenvolvimento operando no espaço entre os limites sociais e os planetários.

 Fonte: Estado do mundo 2013: A Sustentabilidade Ainda é Possível? Organização: Erik Assadourian e Tom Prugh 1ª ed.. Salvador: Worldwatch Institute, 2013.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: